Nacionalista Jaka Jamba vai a sepultar

O nacionalista e deputado à Assembleia Nacional Almerindo Jaka Jamba será  enterrado hoje às 14h00 no cemitério de Santa Ana, em Luanda.

Almerindo Jaka Jamba, que faleceu aos 69 anos na madrugada de domingo em Luanda, vítima de ataque cardíaco, é velado hoje no Governo Provincial de Luanda, com a presença de titulares dos órgãos de soberania, deputados à Assembleia Nacional, membros do Executivo, magistrados e membros do Conselho da República.
No velório, vão comparecer representantes do corpo diplomático, representantes dos ministérios da Defesa e do Estado-Maior das Forças Armadas Angolanas, do Ministério do Interior e do Comando Provincial da Polícia Nacional, de partidos políticos, organizações juvenis partidárias, entidades religiosas, funcionários da Assembleia Nacional, organizações da sociedade civil, amigos e companheiros.
A urna, com os restos mortais está desde ontem na casa de Jaka Jamba, tendo sido feita uma homenagem no Complexo SOVSMO, em Viana.
Segundo familiares, Jaka Jamba começou a sentir-se mal por volta da meia-noite de domingo, acabando por perder os sinais vitais, já a caminho do hospital, onde foi declarado o óbito.
Natural do Huambo, onde nasceu á 21 de Março de 1949, ingressou na UNITA em 1972, tendo integrado o Governo de Transição, em 1975, na sequência da assinatura dos Acordos de Alvor, como secretário de Estado da Informação.
Jaka Jamba foi vice-presidente da Assembleia Nacional, entre 1997 e 2005, e embaixador na Missão Permanente de Angola junto do Organismo das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), em Paris, de 2005 á 2008, no quadro do Governo de Unidade e Reconciliação Nacional (GURN). Professor e diplomata, Jaka Jamba era membro da Sexta Comissão da Assembleia Nacional.

 

Post Author: facesdeangola

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *