Médicos do Namibe com mais valências

A província do Namibe conta com oito médicos especializados em Ecografia/ Obstetrícia pela Faculdade de Medicina, em Cabinda, afecta à Universidade 11 de Novembro.

A acção formativa teve a duração de quinze dias e os médicos já regressaram à procedência. O coordenador da caravana, Miguel Pedro Coríntios, ressaltou a importância da formação e agradeceu ao Governo Provincial pela bolsa dada, visão e apoio em tempo real.

Os médicos declaram estar prontos para servir a Nação e particularmente o Namibe, embora reconheçam encontrar algumas dificuldades ao longo do exercício da profissão. A médica Iracema António, colocada no município de Camucuio, cerca de 220 quilómetros da sede da província, disse ao Jornal de Angola que vai aplicar os conhecimentos adquiridos, visando a melhoria da assistência à população.

Para Manuel Boaventura Cahala, uma vez que existe um aparelho de ecografia no Hospital Municipal do Virei, com os conhecimentos adquiridos, os pacientes deixam de se deslocar a Moçâmedes a fim de fazer exames de ginecologia e obstetrícia.

Para Duarte Caley, colocado no município da Bibala, “não podíamos utilizar os aparelhos por falta de capacitação”, mas agora estão criadas as condições para ajudar a diminuir os índices de mortalidade materno infantil. O director provincial da Saúde, Franco Mufinda, disse que a província do Namibe encontrava-se há mais de oito anos com aparelhos de ecografia que não eram utilizados por falta de quadros para os manusear. “Os equipamentos ficaram inoperantes, embora conservados nas unidades sanitárias, com excepção o município de Camucuio que neste momento não tem este tipo de aparelho”.

Segundo Franco Mufinda, o segundo passo será aprofundar as questões atinentes à demografia e assegurou que no decurso deste ano vão ser convidados especialistas capazes de passar conhecimentos em termos de manuseio de equipamentos aos médicos. Disse ainda ser propósito do Ministério da Saúde diferenciar cada vez mais os médicos.

Post Author: facesdeangola

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *